Entrevista: Explore sua experiência

Por Fernanda Thees

Existem centenas de perguntas que os entrevistadores podem fazer a seus candidatos, mas há uma que provavelmente irá aparecer e na qual você não pode falhar.

Esta pergunta é diferente para cada pessoa e cada posição, mas uma coisa sobre esta questão é a mesma … ela geralmente começa assim: “Você tem experiência em … (qualquer que seja a responsabilidade, atividade, etc que o empregador está procurando)? “

O primeiro passo para responder bem a esta pergunta é, sempre que possível, saber quais as principais atividades e responsabilidades daquela vaga que você está buscando, desta forma poderá se preparar melhor para a questão acima. Os empregadores querem saber se você tem a experiência e a capacidade para desempenhar as funções essenciais do trabalho.

Então, como você vai responder a esta pergunta importantíssima da melhor maneira possível?

Plano A: Conte uma EXPERIÊNCIA já vivida.

A primeira forma de responder a pergunta sobre “experiência” é usar um exemplo do passado de um momento em que você fez XYZ e, é claro, conte também sobre o resultado final (escolha uma situação com resultado positivo!). Este é o cenário mais favorável para responder a pergunta sobre experiência: já ter passado por ela, com sucesso. Mas o que fazer se você não tem aquela experiência?

Plano B: Diga-lhes que você é CAPAZ.

Só porque você nunca fez algo não significa que não pode fazer. E isso certamente não significa que você não pode se destacar no que faz hoje. Se perguntarem sobre uma experiência que você ainda não teve, a melhor forma de responder é dizer “…embora eu não tenha tido experiência direta em XYZ , eu sou capaz de aprender rapidamente, e estou confiante de que eu poderia fazer XYZ com sucesso e superar suas expectativas.” Melhor ainda se puder dar um exemplo de uma situação que talvez não seja a mesma, mas seja similar. Mas cuidado, não vá responder simplesmente “Não, nunca fiz isso”, ou “Não tenho nenhuma experiência nesta área”. Isso será verdade em vários casos, e não é recomendado que você minta, mas procure responder com uma atitude positiva.

Um potencial empregador vai se sentir muito melhor em saber que você está confiante em suas habilidades e talentos – e também é uma alternativa muito melhor do que apenas dizer: “Não, eu não sei como fazer isso “, possivelmente excluindo você do processo. Como mencionei antes, só porque você não fez algo ainda, não significa que não pode fazer. Se quiser e tiver interesse, poderá aprender e em pouco tempo realizar algo novo e muito bem!